28/01/2011        SESCON/SC        0 comentários.

O que é planejamento sucessório, profissionalização, as empresas de controle e gestão patrimonial. Estes são os tópicos do curso “Holding Familiar”, que o Sescon/SC promove na quinta-feira, dia 3 de fevereiro, em Balneário Camboriú.

O Portal Contábil SC entrevistou o instrutor do curso, o consultor em planejamento sucessório João Alberto Borges Teixeira, formado em Direito e graduando em Ciências Contábeis e acadêmico do MBA-FGV em Direito Empresarial.

Teixeira explicou o que é uma empresa familiar e ressaltou a importância de separar a gestão do patrimônio da empresa e da família. O consultor também ressalta que o planejamento sucessório deve começar junto com a implantação do negócio. E contou que os contadores são mais comprados neste tipo de empresa.

Leia a seguir a entrevista:

Portal Contábil SC: O que é uma empresa familiar?
João Alberto Borges Teixeira
: Empresa familiar tem um conceito muito extenso. Pode ser uma empresa que nasceu no quintal de casa, de um casal, um pai e um filho, dois irmãos, como ela pode ter também o conceito de unidades familiares, famílias distintas.

PC-SC: É obrigatório o sucessor ser alguém da família?
João Alberto:
Não. É muito importante no planejamento sucessório desde o início, detectar quem é o sucessor. Detectando esse sucessor não quer dizer que ele é um herdeiro, um filho, um neto, um irmão, ele pode ser um terceiro de fora da família. No planejamento acessório temos que preservar os direitos dos herdeiros. O sucessor é nomeado para dar continuidade nos negócios.

PC-SC: Desde quando a sucessão deve ser pensada, principalmente, se o sucessor não for alguém da família?
João Alberto:
É desde o casamento, desde a abertura de um negócio, ou seja, é o primeiro assunto, pois não se sabe a hora que vai ocorrer à sucessão. E não tem valor patrimonial, não precisa atingir um milhão de reais para pensar na proteção do patrimônio e na continuidade da empresa. Enfim, você tem que se preocupar com esse assunto do planejamento sucessório desde o início dos negócios, com um real de capital social, não tem um valor definido.

PC-SC: Sobre os bens da empresa e da família, é importante separar esses bens?
João Alberto:
É muito importante o empresário que está recebendo seus filhos na empresa familiar, passar o conceito correto. Enfim, pró-labore é o seu salário pelo seu trabalho prestado aquele mês na empresa, dividendos são os lucros que a empresa teve no seu ano calendário, em virtude das receitas auferidas e detalhe, temos que merecer esse número, pois é neste momento que temos a definição de quem trabalha na empresa e quem só é herdeiro.

PC-SC: O contador de uma empresa familiar tem uma característica diferente?
João Alberto
: Sim. O prestador de serviços contábeis tem vários cenários e empresas com segmentos diferentes. Já o contabilista que é interno em uma empresa familiar, vive problemas diariamente e deve superar as dificuldades dentro daquela empresa familiar, o que é diferente de um profissional que presta serviços para várias empresas familiares, porque ele não vive os problemas internos diariamente.

PC-SC: Eles cobram mais do contador?
João Alberto:
Bastante. A cobrança de um contador em uma empresa familiar é gritante, se comparada a uma empresa não familiar, pois o empresário da empresa familiar vê o contador como seu braço direito, mas um pouco mais, vê como empregado, então acaba exigindo muito mais.

PC-SC: Muitas empresas contábeis são familiares também?
João Alberto
: Sim. Isso é comum, o pai com o filho, a mãe com a filha, que está entrando em um escritório e vai assumir, tem que se preocupar com o planejamento sucessório também. A preocupação é um pouco maior porque tem a parte técnica e tem a parte do planejamento sucessório interno e do patrimônio pessoal.

Curso

O Sescon/SC promove o curso de “Holding Familiar”, com o consultor João Alberto Borges Teixeira, na quinta-feira, dia 3 de fevereiro. A aula acontece, das 8h30 às 17h30, no Sindicont de Balneário Camboriú, localizado na avenida do Estado, 3905, no centro, em Balneário Camboriú.

As vagas são limitadas. A inscrição inclui o material didático, certificado e coffee-break. Mais informações pelo www.sesconsc.org.br ou cursos@sesconsc.org.br ou pelo telefone: (47) 3433-9849.

* por Claudia Mota, assessora de imprensa do Sescon/SC – claudia@facedigital.com.br

Categoria: Notícias

  Comentários

O seu endereço de email não será publicado